O ENSINO DA FÓRMULA DE PICK NA SALA DE AULA: UM POSSÍVEL OLHAR PARA REFERÊNCIAS CURRICULARES

Raquel Gomes de Oliveira, Rachel Carobina

Resumo


O texto apresenta uma pesquisa que objetivou analisar referências didático-pedagógicas para o ensino e a aprendizagem da Fórmula de Pick. Nesse sentido, no desenvolvimento da pesquisa, procurou-se elaborar, aplicar e analisar uma atividade didática na qual concorreram elementos considerados contribuintes ao desenvolvimento de procedimentos e atitudes matemáticos tidos como imprescindíveis para a constituição de entendimento matemático significativo para os alunos. A atividade didática foi elaborada e desenvolvida por uma futura professora de Matemática junto a alunos de 8º ano de uma escola pública do interior do Estado de São Paulo, sendo dois conceitos tomados como fundamentais para seu desenvolvimento: a Atividade de Investigação Matemática e a Fórmula de Pick. Os resultados mostraram que aos alunos da Educação Básica, participantes da pesquisa, foi possível entender como uma fórmula matemática pode ter origem, sendo o processo desse entendimento tomado como um incentivo para a participação nas aulas de Matemática. À futura professora de Matemática foi oportunizado elaborar referências curriculares para a docência, contemplando maneiras de ensinar Matemática na escola, que articulem elementos historicamente presentes nos processos de raciocínios matemáticos e que têm sido fundamentais para a construção e entendimento do conhecimento matemático.

professora de Matemática foi oportunizado elaborar referências curriculares para a docência, contemplando maneiras de ensinar Matemática na escola, que articulem elementos historicamente presentes nos processos de raciocínios matemáticos e que têm sido fundamentais para a construção e entendimento do conhecimento matemático.

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-2380

 

Indexadores:

Latindex,  Diadorim, Google AcadêmicoSumarios.Org