TRATAMENTO DAS QUESTÕES AMBIENTAIS NO AMBIENTE ESCOLAR: UM TRABALHO DE CONSCIENTIZAÇÃO AMBIENTAL COM ALUNOS E PROFESSORES

Elane Cristina Guimarães Marinho Barrozo, João Rodrigues Miguel

Resumo


A problemática ambiental tem sido alvo de preocupação e discussão em todas as esferas da sociedade, pois é perceptível o quanto o ser humano destrói o meio ambiente em busca de benefícios próprios, gerando grandes impactos ambientais.

Alguns fatores como o consumo desenfreado e a urbanização acelerada trouxeram grandes consequências que vem refletindo diretamente na saúde da população. De acordo com Brasil (1997), o nível de saúde das pessoas está refletindo a maneira como elas vivem e tratam o meio ambiente.

Nesse contexto, faz-se necessário o desenvolvimento de uma consciência ética frente à exploração dos recursos naturais. A educação ambiental é o melhor caminho para a conscientização e preservação do meio ambiente, portanto deve estar inserida em todo âmbito escolar, em espaços formais e informais, contribuindo para o desenvolvimento do educando e para o exercício da cidadania.

 Segundo Reigota (2002), a escola tem sido historicamente o espaço indicado para a discussão e o aprendizado de vários temas urgentes e de atualidades como resultado da sua importância na formação dos cidadãos.

 Diante dos problemas ambientais e da preocupação em promover estratégias que estimulem o respeito e o desejo em preservar o meio ambiente, reconhecemos a importância do trabalho de Educação Ambiental no âmbito escolar e nos confrontamos com uma questão principal e norteadora: Como as questões ambientais estão sendo trabalhadas na Escola? A partir desta questão central, surgiram outras secundárias:

·         De que forma os conteúdos ambientais estão sendo apresentados aos alunos?

 

·         Existem dificuldades entre os professores das diferentes disciplinas em trabalhar esses conteúdos em suas aulas?

·         Que estratégia de ensino poderia ser sugerida aos professores e alunos para potencializar o trabalho de conscientização ambiental?

A investigação destas questões é uma das finalidades deste trabalho, pois acreditamos que um trabalho conscientizador desenvolvido na escola contribua para o desenvolvimento de uma consciência ética, no respeito ao meio ambiente e na conservação do planeta. 

 Para alcançar os objetivos propostos, escolhemos o método de pesquisa de cunho qualitativo do tipo pesquisa-ação, pois se trata de uma investigação voltada à produção de dados descritivos, buscando compreender como as questões ambientais são tratadas no ambiente escolar, gerando uma interatividade entre o pesquisador e os participantes envolvidos (THIOLLENT, 2011).

Ao tratarmos dos problemas ambientais nas aulas, estaremos propondo uma reflexão com os alunos e professores através da metodologia da modelagem aplicada à Educação Ambiental na tentativa de identificar o problema mais crucial e buscar as possíveis soluções para a melhoria da qualidade do meio ambiente.

O processo de modelagem que será utilizado neste trabalho seguirá as etapas sugeridas por Bassanezi (2002), que são as seguintes: 1°) Escolha dos temas ambientais; 2°) Exploração dos temas para levantamento de informações; 3°) Elaboração de situações-problema;  4°) Resolução dos problemas.

Sendo assim, para a coleta de dados e evidências, optamos por utilizar questionários com perguntas fechadas e abertas, pois entendemos que os mesmos  tornam-se instrumentos importantes para esse tipo de pesquisa. O trabalho será desenvolvido no Colégio Estadual Parada Angélica, localizado no bairro: Parada Angélica, Município de Duque de Caxias – RJ. A escolha da referida escola se deu pelo fato de ser de fácil acesso, aberta ao trabalho interdisciplinar e que valoriza a prática educativa para construção de valores voltados a preservação do meio ambiente.

Os participantes da pesquisa serão escolhidos de forma voluntária, sendo 2 professores de cada área do conhecimento e 2 alunos de cada turma, totalizando 74 participantes.

Será confeccionado ainda uma caixa de sugestões que ficará disponível na referida escola durante 4 semanas no período de 02/11/15 a 28/11/15, visando a participação de toda comunidade escolar, para que a mesma possa sugerir temas de interesse relacionados às questões ambientais, para serem  desenvolvidos  na Escola através de debates, palestras, oficinas, vídeos, jogos e gincanas.

Após a análise do material, a pesquisa será concretizada em forma de redação, onde será desenvolvida uma estratégia de ensino visando contribuir com a escola para o trabalho interdisciplinar de conscientização ambiental.

Neste sentido, estaremos dispondo um produto educacional que contribuirá para o desenvolvimento das estratégias propostas como resultado da análise dos dados.

Sendo assim, o presente trabalho objetiva contextualizar a importância das questões ambientais atuais e verificar o papel da Escola no tratamento dessas questões, visando desenvolver um trabalho de conscientização ambiental entre alunos e professores através das contribuições da modelagem, visando ampliar a prática educativa e o interesse em preservar o meio ambiente.

 

 Palavras-chave: Conscientização Ambiental. Escola. Alunos. Professores.

 

 

REFERÊNCIAS

 

BASSANEZI, R. C. Ensino-aprendizagem com modelagem matemática: uma nova estratégia. 2ª. ed. São Paulo: Contexto, 2002. 398p.

 

BRASIL. Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais: meio ambiente e saúde. Secretaria da Educação Fundamental. Brasília, 1997. 128p.

 

REIGOTA, Marcos. A Floresta e a Escola: por uma educação ambiental pós moderna. 3ª ed - São Paulo: Cortez, 2002. 167p.

THIOLLENT, M.. Metodologia da Pesquisa - Ação. 18ª ed. – São Paulo: Cortez, 2011. 136p.

 

 

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.